#Estreias: Planos para o fim-de-semana (11/10)

Assim Nasce Uma Estrela

 
 Imagem: SAPO

Imagem: SAPO

 

A carreira musical de Jackson Maine  (Bradley Cooper) já teve melhores dias mas tudo muda quando conhece Ally (Lady Gaga). Ally há muito que tinha desistido da sua carreira, mas Jackson traz à sua vida o que há muito lhe fazia falta. Ambos têm as suas inseguranças, mas enquanto que Ally as ultrapassa juntamente com Jackson, este deixa-se dominar pelas dependências do seu passado.

Assim nasce uma estrela é a estreia de Bradley Cooper como realizador e argumentista. Uma ideia que depressa foi rejeitada por muitos. Bradley Cooper  não desitiu até a ver concretizada. O filme não parece mais que um simples romance entre dois artistas, mas o que mais surpreende é a química entre os dois protagonistas e a escolha musical.

Não se deixem enganar, este filme vai chegar longe... Mas não se deixem levar pela lamechice pois não é digno de Óscar como muitos pensam.

 
 

Pássaros Amarelos

 
 Imagem: SAPO

Imagem: SAPO

 

Brandon Bartle (Alden Ehrenreich) e Daniel Murphy (Tye Sheridan) são dois soldados que se conhecem na guerra e que se apoiam mutuamente. Apesar de sofrerem uma enorme pressão por parte Sargento Sterling (Jack Huston), juntos superam os traumas na guerra até o dia que ocorre um incidente que mudará a vida dos dois soldados.

Dois jovens partem para a guerra no Iraque, mas só um deles volta a casa. Esse jovem têm a difícil tarefa de revelar a verdade por detrás do acontecimento que o marcou para a vida toda. Cabe a Jennifer Aniston a interpretação do papel da mãe que viverá para sempre com a dor.

 
 

Feliz como Lázaro

 
 Imagem: SAPO

Imagem: SAPO

 

Feliz como Lázaro foi o vencedor do prémio de Melhor Argumento no Festival de Cannes. Alice Rohrwacher conta-nos a história do jovem Lázaro, um rapaz bondoso que não vê malicia na vida. Conta-nos também a história de Tancredi, um sonhador amaldiçoado preso aos seus pensamentos.

A vida na aldeia é tão banal que ambos se deixam iludir pela sua imaginção. Graças à maldade da Marquesa Afonsina de Luna, ambos colocam em prática uma das suas ideias – Raptá-la e levá-la para bem longe da aldeia... deixá-la na cidade, onde ela pertence.

Um filme cheio de aventuras e paragens no tempo, onde Lázaro se sentirá no passado estando no presente.

 
 

A Aparição

 
 Imagem: SAPO

Imagem: SAPO

 

Anna é uma jovem que afirma ter assistido a uma aparição da Virgem Maria. A jovem devota reune à sua volta uma enorme agitação que leva o Vaticano a interferir e a investigar o caso. Decidem chamar Jacques para uma investigação canónica, pois pretendem apurar a vericidade da aparição.

Jacques (Vincent Lindon) é um jornalista com algum renome num jornal francês e a sua reputação de investigador neutro e impulsivo leva ao Vaticano a escolhê-lo.

O encontro entre Anna e Jacques trará a ambos as respostas que tanto procuram, pondo em causa tudo o que conhecem, mas para Jacques este confronto irá lhe trazer novas perspectivas sobre o cleto e sobre o sistema de crenças.

 
 
 
Patrícia+Morais.png

Patrícia Felizardo é a nossa rainha das listas inspiradoras e colunista semanal das estreias de cinema a não perder. Segue as suas aventuras no seu blog, Instagram , Facebook e Twitter