Quero o meu corpo de volta

 
 

Eu sei que pode parecer muito vaidoso ou superficial da minha parte e que podia dar-me por contente por estar bem e com um bebé saudável, mas a verdade é que tenho um pensamento às voltas na cabeça e não me deixa em paz: eu quero o meu corpo de volta.

A verdade é que engordei muito durante a minha gravidez: perto dos 30kg. Mesmo a caminhar e a comer comida saudável, não foi uma coisa que pudesse controlar... Aliás, passei quase toda a minha gravidez sem uma estria e nas últimas semanas como a minha barriga aumentava 5 cm de semana a semana, não houve creme que me valesse e acabei por ficar cheia de estrias.

Mas não são as estrias que me perturbam, eu vou usá-las com orgulho... é o facto de as minhas roupas não me servirem e não me sentir confortável com nada. O que não ajuda são as fotos e as representações de um pós-parto publicitadas pelos média de mulheres que voltaram às suas roupas antigas "no dia" a seguir a terem o bebé. Começa logo um coro de vozes na minha cabeça a dizer-me que o que tenho a fazer é comer saudável e fazer exercício. Eu sei que vai soar a desculpa mas... neste caso é mais fácil falar do que fazer.

É preciso cuidar do bebé e no primeiro mês é bastante difícil fazê-lo pois este ainda não tem uma rotina. Além de que estamos num período de recuperação quer tenhanhamos tido um parto natural ou uma cesariana. O nosso [mães] corpo é fantástico, gerou uma vida perfeita e agora está a nutri-la. Por isso mesmo é que é necessário cuidar dele, não tanto por uma questão de amor próprio, mas pelo nosso bebé que precisa imenso de nós.

Quando o meu bebé fez um mês, ganhei coragem e pesei-me. Estava com 75kg, ou seja, tenho que perder perto de 15kg para voltar ao meu peso original mas a verdade é que ficaria feliz em apenas caber nas minhas roupas independentemente do meu peso.

Agora que passaram mais de 4 meses e me sinto melhor das costas e de tudo o resto - aquelas coisas que não aparecem nos postais de dia da mãe -  vou recomeçar a fazer exercício, mas sem pressas e sem vaidades.


 
C.C..png

C.C. é viciada em palavras: as que lê e as que escreve. Sigam as suas aventuras aqui no Peachy e os episódios do seu dia-a-dia à medida que acontecem, no seu blog, Facebook e Instagram.