Genius: quando o entretenimento e a biografia se juntam

 

"Genius é um programa que explora a viagem turbulenta de um físico que crescerá para se tornar num ícone: Albert Einstein. Ferozmente independente, inatamente brilhante, eternamente curioso, Einstein mudou a maneira como vemos o universo. Consequentemente, esta série mudará a maneira como víamos Einstein. Dos seus falhanços iniciais até aos sucessos no mundo académico até à sua tensa emocionalmente busca pelo amor e ligação humana, este evento em dez partes pinta um retrato real de Albert Einstein e de toda sua complexidade."

 Geoffrey Rush e Johnny Flynn interpretam Einstein en  Genius  no National Gerographic

Geoffrey Rush e Johnny Flynn interpretam Einstein en Genius no National Gerographic

A série, que estreou no dia 27 de Abril no National Geographic, é a primeira deste tipo que o canal nos apresenta. Os primeiros dez episódios levam-nos a explorar a vida do génio que foi Albert Einstein, percorrendo aspetos desta que vão muito para além das suas revolucionárias descobertas científicas e daquela que se pode dizer ser a mais famosa equação do mundo - E=mc^2.

O argumento derivou da biografia escrita por Walter Isaacson, "Einstein: His Life and Universe", uma obra científica e factualmente muito completa e, em simultâneo, de leitura extremamente prazerosa - um trabalho verdadeiramente impressionante, na minha opinião.

No elenco, começamos por encontrar o incomparável ator premiado, Geoffrey Rush, que encarna o papel do génio destacado nesta temporada. Contudo, foi necessário arranjar um ator mais jovem que se juntasse a Rush, assegurando o retrato do Einstein mais novo. A escolha poderá não ter sido a mais óbvia, principalmente se compararmos os traços do ator escolhido com os da personagem, mas a equipa acabou por selecionar o britânico Johnny Flynn como a opção ideal. A estes juntam-se outros nomes como Michael McElhatton, Samantha Colley e Emily Watson, encarnando as mais diversas personalidades que acompanharam, influenciaram e moldaram Einstein ao longo de todo o seu percurso académico, profissional e pessoal.

A série é viciante e é inegável que nos permite acrescentar muitos planos à vida e obra do cientista dos cabelos grisalhos e em pé! De facto, segundo Rush, trata-se de uma "desmistificação do emoji de Einstein"! A imagem e fotografia são aspetos que também merecem receber o devido realce, sendo (como esperado numa produção deste canal) verdadeiramente deslumbrantes! E desenganem-se os que pensam que vão ver uma simples biografia, contando tudo por ordem, desde que o prodígio nasceu até à data da sua morte! A dinâmica e os saltos temporais, pouco característicos do estilo biográfico, tornam o programa ainda mais cativante, criando aquele desejo de querer saber o que virá depois!

O último episódio passou na televisão portuguesa, no dia 29 de Julho mas já está confirmada a próxima temporada - desta vez, com destaque para o inigualável artista espanhol, Pablo Picasso!