Como ajudar os bombeiros e as vítimas dos incêndios

 
 Fotografia: Paulo Cunha, LUSA

Fotografia: Paulo Cunha, LUSA

O incêndio que deflagrou este sábado na vila de Pedrógão Grande, em Leiria, continua com várias frentes ativas, tendo-se alastrado a várias zonas próximas. Ao longo do fim de semana Jaime Marta Soares, Presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, apelou aos portugueses para que se pudessem enviassem aos quartéis dos bombeiros mais próximos dos locais da tragédia alguns bens e mantimentos para serem distribuídos pelos bombeiros e pela população. Apesar deste ser um apelo dirigido a pessoas mais próximas dos vários locais da tragédia, criou-se uma onda de solidariedade por todo o país e neste momento corporações de bombeiros de várias cidades estão a encaminhar bens alimentares e de outros géneros para os distritos mais afetados.

A Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, indicou ontem ao final da noite que não é necessário o envio mais alimentos para as zonas afetadas porque já dispõem de quantidade suficiente, no entanto, há outras formas de ajudar e outros bens que podem ser enviados. Muitas corporações de bombeiros indicam nas suas páginas de Facebook qual a melhor forma de ajudar, e a página On Coimbra tem uma publicação na qual reuniu os pedidos de cada corporação de bombeiros e ainda outras formas de ajudar solicitadas por diferentes instituições. Nesta mesma publicação figura também o NIB da conta solidária criada pela Caixa Geral de Depósitos para quem quiser fazer donativos monetários.

Existem também duas linhas telefónicas solidárias, criadas pela RTP e pela SIC em parceria com várias operadoras de telefone em Portugal, que consistem na doação de um valor por cada chamada realizada. Ambas as linhas revertem a favor das vítimas dos incêndios de Pedrógão Grande. Em baixo pode consultar as respetivas condições de uma e de outra:

Linha solidária RTP

Número: 760 200 600 (0,60€ + IVA)

Valor do donativo: 0,50€

 

Linha solidária SIC: Um Abraço a Portugal

Número: 760 100 100 (0,60€ + IVA)

Valor do donativo: 0,60€

 

Há ainda uma iniciativa de Crowdfunding criada por Sérgio Gonçalves e Tiago Cação na plataforma PPL Causas, que se manterá ativa até ao próximo dia 30, cujo dinheiro angariado será distribuído pelas vítimas deste incêndio. Para contribuir para esta campanha ou ficar a saber mais sobre ela, por favor clique aqui.

Estas são apenas algumas das formas através das quais podemos ajudar os bombeiros e as vítimas desta tragédia. Para uma informação mais detalhada sobre cada uma delas ou para conhecer todos os meios atualmente disponíveis para ajudar, por favor consulte os seguintes links:

- Público

- Sapo 24 

- DN

 

Para consultar os distritos do país que estão sob a ameaça dos incêndios ou para informações mais detalhadas sobre o estado destes, por favor consulte o site da Proteção Civil.