Menos oleosidade: como treinar o teu cabelo

Ter cabelo oleoso é uma daquelas piadas da Mãe Natureza. Temos de o lavar regularmente para o manter limpo e fresco, mas quanto mais o lavarmos mais óleo ele produz: quando retiramos o óleo natural produzido pelo couro cabeludo, este produz mais para combater a perda. É injusto mas não é impossível ter uma relação mais amigável com o nosso cabelo. É verdadeiramente possível treiná-lo para ser menos oleoso. O truque está no tempo que damos entre lavagens. Não vou mentir... as primeiras semanas deste treino vão ser difíceis... nojentas... especialmente porque a produção de óleo não fica educada com um berro ou uma ameaça de ficar sem televisão. Mas prometo que ao fim de umas semanas os resultados vão começar a ser notórios.

Dia 1: O dia de lavar o cabelo

17eaf2f13469f4fe07eedeb6d4f18086-e1481212509516.jpg

O primeiro dia de treino começa com a lavagem do cabelo. Boa altura para ir ao supermercado e escolher um shampoo com daqueles transparentes em vez de uma fórmula clássica de cor branca (Escolher o Pantene Aqua Light em vez do Pantene fórmula clássica). Os shampoos transparentes tendem a ser mais leves e não dão peso ao cabelo como algumas fórmulas ricas em silicone. Shampoos clarificantes ajudam não só a reduzir o peso em cabelos finos, como também a retirar eventuais "depósitos" que ficam no cabelo após o uso de lacas, espuma, cremes, etc... Este tipo de formulas deve ser usadas não mais que uma vez por semana.

Dia 2: Resistir à tentação de lavar o cabelo

Eu sei: provavelmente acordaste e tens as raizes meias coladas e a vontade é enfiar a cabeça debaixo do chuveiro e fazer a magia do costume. Tenta resistir a este impulso e em vez disso usa shampoo seco. Este ajuda a combater o oleo e a manter as raizes frescas e com bom aspecto. Podes aplicar livremente, mas lê as instruções primeiro para que em vez de raizes oleosas, evitares o look "tenho lendeas".

Dia 3: "I don't give a fuck" day

Sim, o teu cabelo está com um aspecto um pouco sujo e, em vez de o lavares já, vais novamente resistir a esse impulso e aproveitares para aprenderes a fazer novos penteados com o cabelo apanhado. Uma banana, um rabo de cavalo com uma trança diferente... Puxa o cabelo para trás, para evitar a tendência de andar a passar os dedos pelo cabelo... Dedos + Cabelo = mais oleosidade.

Dia 4: YEAH! Dia de lavar o cabelo!

O dia que estiveram à espera! Podem chegar a casa e ir a correr para a casa de banho cantar (de felicidade) no chuveiro! mas lembrem-se: não usem água muito quente pois isso estimula também a produção de óleo. Há quem recomende usar um pouco de vinagre de cidra no cabelo, para lavar as raizes e ajudar a restaurar o pH do cabelo e a retirar a acumulação de produto dos ultimos dias. Pessoalmente, não aprecio, por isso volto ao meu shampoo transparente e um bocaidnho de amaceador nas pontas e aproveito o resto do tempo para treinar algumas canções da minha playlist do spotify.

Muito importante:

  • Evitem tocar no vosso cabelo com os dedos.
  • Não abusem de produtos de styling (lacas, gel, espumas, etc...).
  • Na semana seguinte, podem repetir o treino mas em três dias em vez de quatro.
  • Menos lavagens ajuda a ter um cabelo saudável e a ter uma routina de beleza mais ecológica.
  • Isto não é uma desculpa para andar com cabelo nojento na rua.